Últimos AcontecimentosO que acontece em Itajubá e região !

Sebrae Minas - Itajubá inaugura Sala Mineira do Empreendedor

29 Jun 2018
FOTO- O prefeito de Itajubá, Rodrigo Riera, e o vice-presidente da ACIEI, Prof. Hector Gustavo Arango.

A partir da próxima quinta-feira, dia 28 de junho, os empreendedores de Itajubá terão acesso facilitado às orientações e serviços necessários para abrir, manter regularizado e desenvolver o seu negócio. Todo este atendimento será realizado na Sala Mineira do Empreendedor, instalada à Rua Coronel Francisco Braz, 42, no Centro.



A nova estrutura é fruto de parceria entre Sebrae Minas, Junta Comercial do Estado de Minas Gerais (Jucemg) e Prefeitura Municipal. O objetivo dessa união de forças é a melhoria do ambiente de negócios na cidade, por meio da simplificação e desburocratização do processo de abertura e manutenção de negócios. A atuação da Sala Mineira do Empreendedor é baseada em três pilares: orientações e informações, serviços e capacitações. Com estes pressupostos, serão agregados no mesmo lugar serviços do executivo municipal, da Jucemg e produtos e serviços do Sebrae Minas.



"O empreendedor de Itajubá poderá se formalizar indo a apenas um local, em vez de ir a vários órgãos públicos, simplificando assim o processo de abertura do negócio. Além disso, terá acesso à informação, conhecimento gerencial e administrativo para melhorar as condições de competitividade do seu empreendimento no mercado”, explica a analista do Sebrae Minas, Elaine Rezende.



No Sul de Minas, além de Itajubá, Campestre, Boa Esperança, Bueno Brandão, Cambuí, Campo Belo, Machado, Monte Sião, Pedralva, Pouso Alegre, Três Pontas e Varginha já têm o espaço em funcionamento. Em Santo Antônio do Amparo a Sala será inaugurada na próxima sexta-feira, 29 de junho. Outros 24 municípios devem, em breve, abrir as salas: Andradas, Andrelândia, Brasópolis, Careaçu, Carmo do Rio Claro, Caxambu, Conceição das Pedras, Conceição dos Ouros, Cruzília, Delfim Moreira, Fama, Heliodora, Maria da Fé, Monte Belo, Natércia, Paraguaçu, Piranguçu, Piranguinho, Poço Fundo, Poços de Caldas, São Gonçalo do Sapucaí, Serrania, Três Corações e Turvolândia.



Agilidade e simplificação

Os serviços específicos do Sebrae Minas a serem disponibilizados na Sala são orientação, consultoria e capacitação nas diversas áreas da gestão: tributação, mercado/marketing, finanças, legislação e recursos humanos. No local, o MEI encontrará informações sobre como formalizar seu negócio, fazer a declaração de imposto de renda e solicitar licenciamento no Corpo de Bombeiros, entre outros. Em relação aos serviços específicos da Jucemg estão a Consulta de Viabilidade, registro, alteração e extinção de empresas e emissão de certidões.



Atendimentos oferecidos na Sala Mineira do Empreendedor



Orientações e informações:

· Processo de registro (CNPJ, Inscrição Estadual e Inscrição Municipal);

· Processo de licenciamento municipal (Vigilância Sanitária, Corpo de Bombeiros e Meio Ambiente);

· Cadastramento como fornecedor da prefeitura;

· Participação nos processos de compras públicas municipais;

· Mapa de oportunidades para o empreendedor;



Serviços:

· Consulta de viabilidade;

· Protocolo do licenciamento municipal de MEI, ME, EPP e demais empresas;

· Emissão das guias de recolhimentos das taxas municipais para processo de formalização, alteração e baixa;

· Formalização e emissão do Certificado da Condição de Microempreendedor Individual (CCMEI);

· Elaboração e envio da Declaração Anual do Simples Nacional - DASN SIMEI;

· Entrega do CNPJ, Inscrição Estadual, Inscrição Municipal, Alvará de Localização e Funcionamento e demais documentos de licenciamento.



Capacitações:

· Programação de capacitações Sebrae Minas, Jucemg e entidades parceiras;

nifei e empresa Mahle inauguram sala reestilizada no IEPG

28 Jun 2018
Representes da Unifei, da empresa Mahle e da Fupai presentes no evento de inauguração.
Fotos: Otto José Simas / Secom-Unifei



- No dia 22 de junho, sexta-feira, às 19 horas, foi realizada no Instituto de Engenharia de Produção e Gestão (IEPG), no campus sede da Universidade Federal de Itajubá (Unifei), a cerimônia de inauguração da Sala Mahle Reestilizada. Logo no início, foi feito, na área externa da sala, o descerramento da placa de inauguração pelo reitor da Unifei, professor Dagoberto Alves de Almeida, e João Vitor Zanesco, vice-presidente da Mahle - América do Sul e ex-aluno da Instituição.
Pela Unifei, participaram do evento os professores Dagoberto Alves de Almeida, reitor; José Arnaldo Barra Montevechi, chefe de Gabinete da Reitoria; Vanessa Silveira Barreto Carvalho, pró-reitora adjunta de Pesquisa e Pós-Graduação; André Luiz Medeiros, diretor do IEPG; Silmara Cristina Baldissera Kabayama, vice-diretora do Instituto de Engenharia Mecânica (IEM); Edson da Costa Bortoni, vice-diretor do Instituto de Sistemas Elétricos e Energia (ISEE); Geise Ribeiro, vice-diretora do Instituto de Física e Química (IFQ); Carlos Henrique Pereira Mello, diretor de Extensão Tecnológica e Empresarial da Pró-Reitoria de Extensão (Proex), e Betânia Mafra Kaizer, assessora de Assuntos Estudantis da Pró-Reitoria de Gestão de Pessoas (PRGP).
Também estiveram presentes os servidores Daniel Ribeiro dos Santos Silva, pró-reitor adjunto de Administração; Alessandro Augusto Nunes Campos, coordenador de Fomento de Pesquisa e Desenvolvimento da Proex, e Leandro Lopes Trindade, secretário administrativo do IEPG.
Pela empresa, participaram, o vice-presidente da Mahle – América do Sul, João Vitor Zanesco; os gerentes Ruy Salgado Romeiro e Alexandre Augusto Carmanhani, de Produção; Carlos Roque Busnardo, de Recursos Humanos (RH); Daniel Geromel, de Logística; Danilo Dias de Souza, de Controladoria; Jose Eduardo Costa, de Excelência Operacional, e Marcos Rolando Piccilli, de Engenharia, além do supervisor Richardson Lawrence de Oliveira, de RH. Também estiveram presentes pela Fundação de Pesquisa e Assessoramento à Indústria (Fupai), Plínio Ribeiro Leite, diretor executivo, e Heloisa Sonja Nogueira, gerente administrativa.
Logo no início da cerimônia, foi feito, na área externa da sala, o descerramento da placa de inauguração pelo professor Dagoberto Alves de Almeida, reitor da Unifei, e por João Vitor Zanesco, vice-presidente da Mahle - América do Sul e ex-aluno da Instituição.

Discurso inicial
Dando continuidade à cerimônia, já na Sala Mahle Reestilizada, o professor José Arnaldo Barra Montevechi falou sobre a parceria que permitiu a inauguração do ambiente reestilizado. “Este é o resultado bem-sucedido de uma parceria de muitos anos e que tanto orgulha a Unifei”, disse o professor, no início de seu discurso, durante o qual foi apresentado um vídeo institucional produzido por alunos da Universidade.
“Oferecendo muito mais do que recursos, parceiros como a Mahle demonstram que acreditam e incentivam a interação empresa-universidade, dualidade tão importante para o sucesso do Brasil e, muitas vezes, esquecida e negligenciada em nosso jovem país. Nada se faz sem apoio, sem recursos e sem crédito. Desses três elementos, talvez o mais difícil de conquistar seja o crédito. Não o financeiro, mas o que vem da confiança depositada em uma instituição. É por este crédito e confiança demonstrada em nosso trabalho, e por compartilharem conosco este sonho, que agradecemos à Mahle este presente que hoje disponibilizamos para nossa comunidade”, ressaltou José Arnaldo.
O professor também fez agradecimentos às seguintes pessoas e instituições, que contribuíram para a concretização da sala reestilizada: os servidores Daniel Ribeiro, diretor de Serviços Gerais; Ederson da Silva Teixeira, diretor de Obras da Unifei; Leandro Lopes Trindade, secretário do IEPG; Plínio Leite, diretor da Fupai; Carlos Roque Busnardo, gerente de RH da Mahle, e João Vitor Zanesco, vice-presidente da Mahle - América do Sul.
Segundo José Arnaldo, a história da Sala Mahle começou em 2007, com o apoio de João Vitor Zanesco para o projeto e construção, possibilitando a realização de defesas de mestrado e doutorado, palestras, reuniões, seminários, fóruns e workshops, entre outros eventos acadêmicos e científicos. “Antes, ela possuía capacidade para 40 pessoas e, provavelmente, tenha sido a sala mais utilizada na Unifei nos dez últimos anos. Agora, reestilizada, para comemorar esses anos de atividade, ela foi modificada para ter capacidade de receber cinquenta pessoas, e poder, nos próximos anos, atender ainda melhor a nossa comunidade. Tenham certeza de que cada detalhe desta sala foi pensado com o maior carinho que cada um da equipe que aqui trabalhou poderia dedicar”, lembrou o professor.
Ele destacou que se não fosse a confiança dos diretores da empresa Mahle, a Unifei não poderia alcançar seus objetivos. “Fica o convite para que continuemos a pensar em novas oportunidades de parceria, para que os nomes de nossas instituições sejam ainda maiores e possam modificar as vidas de todos os nossos colaboradores no grande objetivo de um Brasil melhor”, finalizou José Arnaldo.

Palavra da Mahle
Em seguida, o vice-presidente da Mahle - América do Sul, João Vitor Zanesco, falou em nome da empresa, destacando a importância da parceria e da participação da Unifei e de outras entidades que tornaram possível a concretização da Sala Mahle. “A boa vontade faz uma diferença tremenda. Se chegamos até aqui, isso é devido à competência das duas instituições envolvidas”, disse.
Segundo João Vitor, a apresentação do vídeo da Unifei causou um efeito muito positivo na equipe de sua empresa presente no evento e nos demais participantes. “Sem inovação, nossa empresa não conseguirá se manter no mercado e a forma de ela estar atualizada é criando vínculos com instituições como a Unifei. Quero deixar meu agradecimento pela contribuição que a Universidade já prestou à Mahle até hoje, desejando que este relacionamento dure ainda por bastante tempo”, destacou ele.
O gerente de Produção da empresa, Alexandre Augusto Carmanhani, fez, em seguida, uma apresentação institucional da planta da Mahle em Itajubá, com dados históricos e relativos aos produtos nela produzidos. “Temos muito orgulho de manter a parceria com a Unifei para o uso dessa sala”, disse o gerente.

Palestra sobre a Inovai
Na sequência, Carlos Vitor Conti, ex-presidente da Honeywell do Brasil, fez uma apresentação sobre a Associação Itajubense de Inovação e Empreendedorismo (Inovai), entidade da qual é o atual diretor de Inovação, destacando que ela, foi criada em agosto de 2017, por um consenso entre entidades do governo federal, estadual e municipal de Itajubá, bem como associações de classe dos setores da indústria, do comércio e de serviços e instituições de ensino, por entenderem que Itajubá possui mecanismos de geração de renda e de empregos baseados na ciência, tecnologia e inovação.
Carlos Conti destacou que a Inovai se propõe a gerir, de forma colaborativa, as ações e atividades de inovação e empreendedorismo, como incubação de empresas de base tecnológica, e a implantação do parque científico tecnológico, dentre outras atividades que possam gerar negócios em Itajubá, consolidando o município como uma cidade com inteligência tecnológica.

Palavra do reitor
Por fim, o reitor da Unifei, professor Dagoberto Alves de Almeida, fez seu discurso, enaltecendo a importância da parceria das entidades envolvidas na concretização da Sala Mahle. “O fato de nós estarmos reunidos hoje é algo que se destaca. As coisas não acontecem por acaso, mas porque existem pessoas interessantes e interessadas em fazer coisas que se tornam relevantes com o tempo”, disse o reitor.
Ele também afirmou que quando pessoas se reúnem em prol de valores que são maiores que os seus interesses particulares, elas mudam a realidade para melhor. “É o que eu observo em iniciativas como esta entre a Mahle e a Unifei. Há vários anos, nós temos aqui uma sala elegante, bonita, confortável e com o nome de uma empresa que é amiga da Unifei. Porém, mais do que a infraestrutura, do que prédios bonitos e salas confortáveis, a verdadeira relevância está qualidade das pessoas com as quais nós nos relacionamos”, completou.
O reitor também disse que aquele momento era uma oportunidade de entender que pequenas ações fazem a diferença. “É relevante estarmos aqui na concretização de algo que serve de exemplo, e por isso, apresento os agradecimentos aos nossos amigos da Mahle, aos meus colegas professores e aos nossos colaboradores”, finalizou o reitor.
A cerimônia de inauguração da Sala Mahle Reestilizada foi encerrada, na sequência, e os participantes foram convidados para um coquetel.

Nota à imprensa da CEMIG

26 Jun 2018
Nota de esclarecimento



A Companhia Energética de Minas Gerais - Cemig informa que chegou a um acordo com a Caixa em torno da renovação do convênio para recebimento das contas de energia nas casas lotéricas. Além da facilidade proporcionada pela parceria com o banco, que deve ser formalizada nos próximos dias, os 8,3 milhões de clientes da Cemig continuam contanto com ampla rede credenciada para efetuar o pagamento de suas faturas, incluindo instituições financeiras, mercados, grandes lojas varejistas e farmácias. Para os consumidores que desejam ainda mais conforto, outra opção é o débito automático.

Clique aqui e confira a lista dos agendes arrecadadores da Cemig

Unifei tem participação expressiva no VII Simpósio Brasileiro de Sistemas Elétricos

24 Jun 2018


- A Universidade Federal de Itajubá (Unifei) foi representada por cinco professores do campus sede e quatro do campus de Itabira, além de 16 alunos de graduação e pós-graduação no VII Simpósio Brasileiro de Sistemas Elétricos (SBSE 2018), que aconteceu em Niterói - RJ, de 12 a 16 de maio de 2018, no H Niterói Hotel.
O professor Paulo Fernando Ribeiro, do Instituto de Sistemas Elétricos e Energia (ISEE) da Unifei e membro do comitê gestor do Instituto Nacional de Energia Elétrica (Inerge), foi um dos palestrantes da mesa redonda com o tema Smart Grids e os Desafios dos Sistemas Elétricos, que teve por objetivo debater os principais desafios a serem superados pelos pesquisadores da área de sistemas elétricos, visando pavimentar o caminho para as redes elétricas inteligentes do futuro.
Representando a Unifei, participaram da conferência os professores Antônio Carlos Zambroni de Souza, Benedito Donizeti Bonatto, vice-presidente da Sociedade Brasileira de Qualidade da Energia Elétrica (SBQEE), José Wanderley Marangon Lima e Gustavo Paiva Lopes. Também estiveram presentes os professores do campus de Itabira: Aurélio Luiz Magalhães Coelho, Ivan Paulo de Faria, Marcos Roberto de Araújo e Guilherme Monteiro de Rezende.
De acordo com a programação estabelecida pelo SBSE, foram apresentados os artigos de alunos e pesquisadores da Unifei com enfoque no tema Sistemas Elétricos. Os professores Paulo Ribeiro e Antônio Zambroni foram presidentes das sessões técnicas (chairs) de Redes Elétricas Inteligentes e Modelagem e Simulação de Sistemas Elétricos, respectivamente.
Além do apoio do Instituto de Sistemas Elétricos e Energia (ISEE) e da Unifei, o evento contou com o apoio parcial de entidades de fomento à pesquisa científica, tecnológica e inovação, como a Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), a Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais (Fapemig) e o Instituto Nacional de Energia Elétrica (Inerge).
Para mais informações sobre o SBSE 2018, os interessados deverão acessar o link: http://sbse2018.sites.uff.br/.