12/05/2024

Ator Paulo César Pereio, nome histórico do cinema brasileiro, morre no Rio aos 83 anos


Ele tinha 83 anos. A informação foi confirmada pelo hospital onde ele estava internado.
Por g1 Rio e TV Globo


O ator Paulo César Pereio morreu na tarde deste domingo (12), no Rio de Janeiro. Ele tinha 83 anos. A informação foi confirmada pelo Hospital Casa São Bernardo, onde ele estava internado.

De acordo com a unidade de saúde, o ator estava em tratamento de uma doença hepática avançada e foi levado ao hospital durante a madrugada, já em estado grave.

Paulo César Pereio nasceu em Alegrete, no Rio Grande do Sul, em 19 de outubro de 1940. Tem trabalhos marcantes na TV, teatro e no cinema, onde atuou em mais de 60 filmes. Trabalhou em filmes de cineastas importantes do cinema brasileiro como Glauber Rocha, Hector Babenco, Arnaldo Jabor, Hugo Carvana e Ruy Guerra.

No documentário "Tá rindo de quê?", sobre o humor na ditadura militar, Pereio falou sobre a dificuldade do ator para driblar a censura.

"Eu improvisava muito. Eu vou improvisar? Tem que dizer um texto enviado para a censura, carimbado, e tem que ser aquele texto. E qualquer improviso será castigado", disse Pereio.

Entre os trabalhos na televisão, Pereio atuou em "Partido Alto", "Roque Santeiro", "Mandala", o "Salvador da Pátria", "A Viagem" e "Duas Caras", entre vários outros trabalhos.
Conhecido pela voz grave, Pereio fez muitos trabalhos na publicidade.

"É um trabalho que eu levo muito a sério e considero tão artístico como qualquer outro. De vez em quando, os publicitários fazem obras de arte em 30 segundos. E acho que a publicidade influencia a linguagem de cinema e televisão", disse Pereio em entrevista ao programa TV Mulher, em 1981.

Pereio vivia no Retiro dos Artistas desde 2020, no começo da pandemia de Covid-19. Em entrevista ao Jornal Extra, ele disse que buscou a entidade para se sentir protegido.

"Estou aqui desde o começo da pandemia, dessa crise do coronavírus. Achei que vir para cá seria uma maneira de me salvar. Vim para sobreviver. Eu moro em São Paulo, tenho meu apartamento lá. Não teve outro jeito. Mas estou bem de saúde. Nunca na minha vida trabalhei por dinheiro. Trabalhei bastante e nunca fiquei nem estou na penúria. O fato de eu estar aqui pode dar a ideia de que o cara está retirado, mas não estou. Ando aqui com uma tranquilidade absoluta, o que eu não poderia fazer na rua. Aqui tenho comida, sou bem cuidado e estou protegido", afirmou Pereio.

"Adeus Pereio. Te Amo. Sempre", publicou o ator Stepan Nercerssian em uma rede social.

A atriz Zezé Motta também lembrou o legado de Pereio.

"Perdemos um ícone do nosso cinema. Descansa meu amado Pereio. Quantos trabalhos icônicos e marcantes na TV, teatro e no cinema. Paulo César Pereio era residente no Retiro dos Artistas. Foi muito bem cuidado e amado. Já deixa saudades", afirmou a atriz.

Mais Notícias...

23/06/2024
Prefeito do Rio anuncia que vai desapropriar terreno do Gasômetro para construção do estádio do Flamengo
22/06/2024
Encontros de alunos da UNIFEI
21/06/2024
Filho de Chrystian que mora em Goiânia diz que não conseguiu ir ao velório do pai
20/06/2024
UNIFEI conquista dois dos quatro títulos em disputas de e-sports da 8ª Copa Inter Atléticas
19/06/2024
Força-tarefa da Cemig encerra missão no Rio Grande do Sul, após 27 dias de atuação no estado
18/06/2024
Itajubá recebe 1ª edição de evento sobre tecnologia, inovação e empreendedorismo
17/06/2024
Jacqueline Laurence, atriz francesa que adotou o Brasil, morre no Rio aos 91 anos
17/06/2024
Fundo eleitoral: veja como será distribuição dos R$ 4,9 bilhões entre os partidos; PL, PT e União lideram
16/06/2024
Empate entre Anderson Silva e Chael Sonnen gera memes, e luta é detonada nas redes sociais
15/06/2024
Kate Middleton faz primeira aparição pública após anunciar câncer
    Casa Joka Institucional l
    Gustavo Almeida
    Unimev Itajubá
    GM Materiais de Construção
    Riera Turismo
    Colégio XIX de Março
    Instituto Mário Bragança - Castelo do Saber Itajubá
Precisa de ajuda? Converse conosco!